Sobre

O poema do poeta é aquele que o leitor costuma não ver: está guardado, esquecido, numa caixa de sapatos bem longe das vistas. Ou foi incinerado, rasgado, tacado ao lixo. Mas será que o autor dá conta de desaparecer com todas as provas de seus crimes de autoria? É possível que mantenha o manuscrito por carinho ou zelo, por culpa ou medo de que o poema se extinga.

Aqui existem mais perguntas que respostas. Quais os caminhos do poema? Como a autora e o autor de poesia imprime sua marca na página escrita? Põem data? Assinam?Aqui, o poema como ele surge, por onde caminha, o quanto sofre de cortes e acréscimos até o seu derradeiro fim e seu finalmente voo: a página impressa.

Anúncios